Petição Pública Brasil Logotipo
Ver Abaixo-Assinado Apoie este Abaixo-Assinado. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

ALUNOS ESTÁCIO UNIDOS PARA MANTER A QUALIDADE DOS CURSOS E CONTRA A DEMISSÃO EM MASSA DOS PROFESSORES E COORDENADORES

Para: Estácio de Sá, Centro Universitário Estácio de Ribeirão Preto, Reitora Karina Prado Franchini Bizerra

Os alunos regularmente matriculados nos cursos de Graduação e Pós-Graduação da Estácio de Sá, vêm, por intermédio da presente, expor e requerer o que segue:


1. Dos fatos:


1.1 Desde o dia 05/12/2017, aproximadamente 1.200 membros do corpo docente, entre professores e coordenadores, foram, e ainda estão sendo, demitidos sem justa causa, por questões meramente financeiras. Estes profissionais são extremamente competentes e atenderam às necessidades acadêmicas dos cursos e dos alunos;


1.2 Existem hoje turmas superlotadas, com mais de cem alunos por disciplina em alguns casos, o que se mostra contraproducente à aprendizagem;


1.3. São diversos os problemas de infraestrutura em várias unidades da Instituição, o que dificulta o processo de aprendizado, como a dificuldade em se conectar e permanecer conectado à rede wi-fi, computadores e carteiras quebrados, sem nenhum tipo de manutenção, e banheiros sem condições de uso, seja por falta de limpeza, por portas, ou por outros elementos quebrados. Além disso, para alunos com necessidades especiais, a faculdade não oferece a adequação necessária plena, o que lhes traz desconforto e constrangimento;


1.4 No momento da matrícula, principalmente com alunos matriculados antes de 2017, não foi oferecido, sequer informado, que algumas disciplinas seriam ofertadas na modalidade on-line e, talvez futuramente, somente nesta, aliás, pelo contrário, a maioria dos cursos foi ofertada como 100% presenciais. As matrículas foram realizadas sem que os discentes tivessem consciência de tal característica dos cursos, portanto, sem concordar em estudar por disciplinas que não sejam presenciais.


1.5. Em unidades como a de Ribeirão Preto/SP, não é necessário nenhum tipo de identificação na portaria. A maioria dos alunos recebeu carteirinha da instituição, mas as catracas estão sempre desbloqueadas, fazendo com que tais documentos fornecidos pela instituição tornem-se desnecessários, ou seja, qualquer um pode entrar nas dependências das unidades, sendo identificado ou não, um absurdo e total falha na segurança!


2. Dos pedidos:


2.1 Solicita-se que os docentes sejam imediatamente readmitidos, a menos que exista uma justa causa para as suas demissões, sendo os casos analisados individualmente. Para as situações em que não seja possível a reversão do quadro, que sejam contratados profissionais com formação e experiência comprovadamente equivalentes às dos antigos professores e coordenadores;


2.2 Requer-se o compromisso de adequação da infraestrutura de forma imediata, permitindo que todos os alunos possam usufruir de forma plena de todos os ambientes e equipamentos da instituição, além da manutenção de todos os elementos danificados, como narrado anteriormente;


2.3 Exige-se que seja imediatamente regularizada a situação da segurança nas portarias;


2.4 Os alunos demandam que Seja periodicamente conversado e decido com os estudantes, por meio dos Centros Acadêmicos e dos representantes de turma, professores e demais representantes da Instituição, sobre a relevância e o modo de proceder em relação às matérias on-line e à quantidade máxima de alunos por sala;


Nestes termos, pedimos e aguardamos o pronto deferimento, além de uma resposta formal, nos mesmos moldes do presente documento.

Ribeirão Preto, 07 de dezembro de 2017.




Qual a sua opinião?

O atual abaixo-assinado encontra-se alojado no site Petição Publica Brasil que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Brasileiros apoiarem as causas em que acreditam e criarem abaixos-assinados online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor do Abaixo-Assinado poderá fazê-lo através do seguinte link Contatar Autor
Já Assinaram
148 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine o Abaixo-Assinado.

Outros Abaixo-Assinados que podem interessar