Petição Pública Brasil Logotipo
Ver Abaixo-Assinado Apoie este Abaixo-Assinado. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

AO PODER PÚBLICO ESTADUAL E FEDERAL- CARTA EM DEFESA DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ

Para: Exmo. Sr. Presidente da República Michel Temer. Exmo Sr. Governador do Estado do Rio de Janeiro Luiz Fernando Pezão

Nós, servidores da UERJ e demais membros da sociedade civil em seus diversos segmentos, denunciamos, com profunda indignação, a dramática situação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, e solicitamos ao poder público que assuma o compromisso com o pleno funcionamento da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

A UERJ é a 5ª melhor Universidade do Brasil e a 11ª da América Latina, de acordo com o ranking “Best Global Universities 2016”, aferido com base em indicadores que mensuram a performance nas áreas de pesquisa acadêmica, número de docentes premiados e reputação regional e global.

Patrimônio científico e cultural do Rio de Janeiro, a UERJ firmou sua existência ao longo de 64 anos com avanços e inovações científico-acadêmicas que resultaram em 33 cursos de graduação, 54 de mestrado, 42 de doutorado, 142 de especialização, 623 projetos de extensão, intercâmbios e parcerias internacionais, e dois centros médicos de atendimento e pesquisa: Hospital Universitário Pedro Ernesto e Policlínica Piquet Carneiro - ambos com reconhecidas expertises em vários domínios das ciências médicas. Além do Colégio de Aplicação, que atende a estudantes nos níveis fundamental e médio.

Essas conquistas acadêmicas resultam do esforço conjunto de todos os segmentos da Universidade. Dentre esses esforços, destaque-se o programa Prociência, que permitiu à UERJ alcançar os atuais níveis de excelência. A UERJ é também pioneira em sua missão social ao ser precursora na implantação do sistema de cotas.

Todavia, somente em 2013 foi instituído, e de forma incompleta, o regime de dedicação exclusiva, existente há muito nas Universidades Federais. Além disso, há que se destacar a intolerável defasagem salarial frente à remuneração das Universidades Federais, resultado de 14 anos sem reajuste linear.


Neste momento, a UERJ enfrenta uma crise profunda e sem precedentes, agravada desde o final de 2015, quando o governo do Estado do Rio de Janeiro passou a submeter a Universidade a um progressivo abandono, um verdadeiro processo de sucateamento. A degradação tornou-se pública em fins de 2016, com a propalada falência do estado do Rio de Janeiro, que resultou na falta de pagamento do custeio da Universidade e dos salários de seus servidores. Submetida a condições inaceitáveis, a UERJ encontra-se paralisada.

Conclamamos, portanto, o poder público, em suas diferentes esferas – estadual e federal-, a assumir sua responsabilidade pelo destino de 2.977 docentes altamente qualificados, 4.519 funcionários técnico-administrativos especializados e 32.220 estudantes, desta que é a 5ª melhor Universidade do Brasil.

ProfªMaria Emilia Prado- Titular/História- /Profª Mônica Leite Lessa.Associada/Relações Internacionais-
Universidade do Estado do Rio de Janeiro- UERJ.




TO THE STATE AND FEDERAL PUBLIC AUTHORITIES,
A LETTER IN DEFENSE OF THE STATE UNIVERSITY OF RIO DE JANEIRO - UERJ

Rio de Janeiro, January 5, 2017

We, public servants of UERJ as well as other members of diverse sectors of civil society, denounce, with deep indignation, the appalling situation of the State University of Rio de Janeiro, and call on the public authorities to commit to making the University fully functional.

UERJ is the 5th best university in Brazil and 11th in Latin America, according to “Best Global Universities 2016” and based on indicators measuring performance in academic research, the number of award-winning faculty and regional and global reputation.

As an institution that is part of the scientific and cultural heritage of Rio de Janeiro, UERJ established its reputation for 64 years through scientific and academic advances and innovations resulting in 33 undergraduate programs, 54 masters programs, 42 doctoral programs, 142 specializations, 623 extension projects, international exchanges and partnerships, and two medical centers providing quality care and research: the Pedro Ernesto University Hospital and the Piquet Carneiro Polyclini, both with recognized expertise in a variety of fields of the medical sciences. And, finally, there is the College of Application, that serves students at the elementary and middle-school levels.

These academic accomplishments are a result of the joint efforts of every part of the University. Among these efforts, it’s important to highlight the Prociência (Pro-Science) program which allowed the UERJ to reach its current levels of excellence. UERJ is also a pioneer in its social mission by being a pioneer in the implementation of an affirmative action system.

Nevertheless, it was only in 2013 that the exclusive dedication system, long established in federal universities, was finally put into place, and only in an incomplete manner. Furthermore, it’s important to note the intolerable wage gap that exists in comparison with the remuneration of federal universities, the result of 14 years without any sort of linear adjustment.

At this moment, UERJ faces a profound an unprecedented crisis, aggravated since the end of 2015 when the state government of Rio de Janeiro allowed the university to fall into a state of abandonment and dilapidation. This abandonment became public in late 2016 with the alleged bankruptcy of the state of Rio de Janeiro and the resulting non-payment of University expenses and the employee salaries. As a result of these unacceptable conditions the UERJ has entered paralysis.

We therefore call on both the state and federal authorities to assume their responsibility for the fate of the 2977 highly qualified teachers and professors, 4159 specialized technical-administrative personnel and 32,220 students of Brazil’s 5th best university.

Profª DrªMaria Emília Prado/ Profª Drª-Mônica Leite Lessa











Qual a sua opinião?

O atual abaixo-assinado encontra-se alojado no site Petição Publica Brasil que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Brasileiros apoiarem as causas em que acreditam e criarem abaixos-assinados online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor do Abaixo-Assinado poderá fazê-lo através do seguinte link Contatar Autor
Já Assinaram
38.914 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine o Abaixo-Assinado.

Outros Abaixo-Assinados que podem interessar