Petição Pública Brasil Logotipo
Ver Abaixo-Assinado Apoie este Abaixo-Assinado. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

POSICIONAMENTO CRÍTICO DO MOVIMENTO TRANSPESSOAL SOBRE AS ELEIÇÕES 2018

Para: multiprofissional

Considerando o imperativo deontológico imposto aos profissionais de ajuda, sobretudo aos profissionais da Saúde, entre eles os psicólogos, cujo CÓDIGOS DE ÉTICA lhes impõem a necessidade de realizar uma avaliação crítica dos contextos em que estão inseridos, uma vez que estão comprometidos com o desenvolvimento humano;

Considerando o “MOVIMENTO DO POTENCIAL HUMANO” como marco fundante das Psicologias Humanistas e Transpessoais e que este, promoveu importante crítica às sociedades que fomentam ações beligerantes, pois promotoras de sofrimento psíquico;
Considerando que os fundamentos éticos e epistemológicos da Psicologia Transpessoal se assentam em pressupostos transdisciplinares, e que estes, conforme determinações da UNESCO, materializados na DECLARAÇÃO DE VENEZA e, sobretudo, na CARTA DA TRANSDISCIPLINARIDADE enfatizam a necessidade de “rigor (não a rigidez), respeito à diversidade, diálogo, tolerância e abertura”;

Considerando que as teorias das Psicologias Humanistas e Transpessoais objetivam à “autorrealização, individuação, autotranscendência, a busca pelo estado de unidade, e a expansão da consciência”;

A partir dessas considerações e, analisando à luz de tais princípios, que embasam todas as teorias e abordagens do campo transpessoal, concluímos com preocupação que a população brasileira está em grande sofrimento psíquico, e que este tem sido potencializado pelo uso do discurso político irresponsável de candidatos que enfatizam o reducionismo, o fundamentalismo, a polarização, a discriminação e a intolerância.

Entendemos que as escolhas políticas são de foro íntimo, respeitamos e valorizamos a autonomia de tais processos; entretanto entendemos, também, ser nossa obrigação, fruto de um compromisso social inalienável que emana de nossas posturas como promotores de saúde-educação, seja por ações formativas, investigativas (científicas) e/ou curativas manifestar nosso posicionamento público, a fim de orientar a categoria profissional, aqueles e aquelas, que atuam no campo do desenvolvimento humano, a partir de uma orientação Transpessoal.

Portanto, cientes dessas responsabilidades como formadores e pesquisadores do campo, somos contrários a qualquer postura política que induza a população a comportamentos extremistas que fomentem a violência, a discriminação, que são incompatíveis com o desenvolvimento transpessoal.
Desta forma, firmamos nosso posicionamento contrário a tais posturas conclamando a todos os profissionais de ajuda que atuam a partir desses referencias, e aqueles e aquelas que simpatizam com a proposta a também fazê-lo:

• • Prof. Dr. Aurino Lina (presidente) Associação Brasileira Pesquisa e Ensino de Psicologia Transpessoal (ABRAPET)
• Prof. Dr. Luiz Eduardo V. Berni (coordenador) – Ateliê de Pesquisa Transdisciplinar (APTD)
• Profa. Dra. Márcia Tabone (coordenadora) – Curso de Especialização em Psicologia Transpessoal – UNIP
• Prof. Dr. Wellington Zangari - (Docente e pesquisador) Instituto de Psicologia da USP
• Prof. Dr. José Eliezer Mikosz – (Pesquisador em Arte e Estados de Consciência) UNESPAR
• Profa. Dra. Ronilda Iyakemi Ribeiro IPUSP (professora sênior IPUSP)
• Profa. Dra. Sissy Veloso Fontes – Núcleo de Cuidados Integrativos – UNIFESP (coordenadora)
• Profa. Vera Laporta (Coordenadora de Comunicação) Centro de Educação Transdisciplinar (CETRANS)
• Prof. Dr. Ênio Brito Pinto (Gestalt-terapeuta, pesquisador em terapia breve)
• Prof. Ms. Manoel Simão (Pesquisador e docente em Psicologia Transpessoal)
• Prof. Dr. José Jorge de Moares Zacharias (presidente) Associação Junguiana do Brasil (AJB)
• Prof. Ms. Sidney Carlos Rocha da Silva (Coordenador da Formação Transpessoal Pernambuco)
• Prof. Dr. Moacir Fernandes de Godoi (Médico Cardiologista, Docente e Pesquisador da FAMERP)
• Prof. Débora Cristina Diógenes Andrade (presidente) - Associação Norteriograndense de Psicologia e Psicoterapia Transpessoal (ANPPT).
• Prof. Salete Menezes (Representante Regional) - Associação Brasileira de Psicologia Transpessoal (ABPT)
• Prof. Ms. Nelma da Silva Sá – docente e coordenadora do Curso de Psicologia Transpessoal UNIPAZ – São Paulo
• Prof. Norma Alves de Oliveira – Curso de Pós-graduação em Psicologia Transpessoal do Instituto de Psiquiatria, Psicologia e Bioenergética Dr. Bezerra de Menezes (IPBEM??
• Prof. Dr. Marlos Alves Bezerra Rede Nordestina de Psicologia Transpessoal – (RETRANS)
• Débora Diógenes - Associação Norte-Riograndense de Psicologia Transpessoal (ANPPT)
• Prof. Taunay Magalhães Daniel (coordenador) Curso de Especialização em Psicologia Transpessoal – Nazareth - UNILUZ





Qual a sua opinião?

O atual abaixo-assinado encontra-se alojado no site Petição Publica Brasil que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Brasileiros apoiarem as causas em que acreditam e criarem abaixos-assinados online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor do Abaixo-Assinado poderá fazê-lo através do seguinte link Contatar Autor
Já Assinaram
112 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine o Abaixo-Assinado.

Outros Abaixo-Assinados que podem interessar