Petição Pública Brasil Logotipo
Ver Abaixo-Assinado Apoie este Abaixo-Assinado. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

VACINA DE COVID-19 NÃO OBRIGATÓRIA. TESTE DE COVID-19 NÃO OBRIGATÓRIO. INEXISTÊNCIA DE CONSEQUÊNCIAS OU PERDAS DE LIBERDADES/DIREITOS PARA QUEM NÃO PARTICIPA NO TESTE OU NÃO TOMA A VACINA.

Para: Governo Português, Assembleia da República.

Existem muitos médicos, cientistas e outros profissionais por todo o mundo que estão a tentar investigar acerca do vírus "covid-19". Muitas pessoas (incluindo por exemplo o médico americano Andrew Kaufman) defendem que o vírus não existe. Muitas pessoas defendem que não passa de um esquema de manipulação global. Na Internet milhões de pessoas estão a investigar o que realmente se passa e muitas pessoas estão a concluir que passa-se algo por detrás desta pandemia e que encontram-se muitos interesses por terceiros.
Muita informação crucial e importante está presente na Internet, e parte dela é apresentada por doutores, cientistas, etc (com perspetivas alternativas à mídia). Por algum motivo essa informação não é passada na mídia e assim os cidadãos não ficam a par dessas informações cruciais e importantes. Deste modo, as massas são manipuladas com a perceção limitada do que se passa.
A mídia gera caos, medo, confusão e stress nos cidadãos e leva a muitas pessoas que só estão a par da informação passada na mídia a quererem desesperadamente uma vacina.
Como é que muitos cientistas nem entendem o "vírus" e como lidar com este, e já se está a procurar uma vacina? O suposto vírus é tão recente e já se está a prever a data de uma vacina, quando uma vacina leva muito tempo a ser construída e é preciso de muito tempo de testes para avaliar os sintomas e efeitos secundários da vacina na saúde humana, de modo a verificar, que a longo prazo a vacina é segura e eficaz.

Fontes e perspetivas alternativas na Internet em relação a esta pandemia:
- https://londonreal.tv/the-coronavirus-conspiracy-how-covid-19-will-seize-your-rights-destroy-our-economy-david-icke/ - Entrevista a David Icke, que dedicou 30 anos da sua vida a estudar como o sistema e sociedade em que vivemos funciona e quais as forças que se encontram por trás do que acontece e como o mundo em que vivemos é comandado. David Icke contactou muitos cientistas, virologistas e médicos antes de ser entrevistado e expôr os seu ponto de vista e perceção em relação a esta pandemia do aclamado covid-19.
- pesquisa no youtube: depopulation agenda.
- https://londonreal.tv/dr-rashid-buttar-hosts-a-doctors-covid-19-roundtable-1000-voices-strong/ - Conferência de 100 médicos que discutem sobre este assunto atual, apresentada pelo Dr Rashid Buttar, médico osteopático e autor mais conhecido por seus pontos de vista sobre o coronavírus e seu tratamento.
- Plandemicmovie.com
- https://londonreal.tv/unmasking-the-lies-around-covid-19-facts-vs-fiction-of-the-coronavirus-pandemic/ - Falando contra a grande mídia, o Dr. Kaufman afirmou que um vírus não está causando uma nova doença, não há evidências de aumento da mortalidade e a medicina moderna é a principal causa de morte.
- https://londonreal.tv/robert-f-kennedy-jr-my-fight-against-mandatory-vaccinations-big-pharma-and-dr-fauci/ - Robert F. Kennedy Jr é o ativista ambiental americano, advogado e autor. Durante a pandemia do Covid-19, Kennedy contradiz a grande mídia e discute a quarentena global, o desenvolvimento de vacinas, etc.

Existem intenções de criar uma vacina para este "vírus" e nela supostamente irá estar presente um microchip. Existem pelo menos 7 vacinas a serem desenvolvidas e a grande maioria delas está a ser financiada pela mesma pessoa por trás das vacinas.
Acerca dessa pessoa (que não posso dizer o nome para não ser acusado de difamação embora toda a gente saiba quem é):
- Participou no "Event 201", que consistia numa simulação de uma pandemia e estudava como as autoridades iriam reagir, assim como a população. Esta simulação foi feita semanas antes do "covid-19" chegar à atenção pública na China. Isso é altamente suspeito.
- Está a desenvolver uma tatuagem quântica para verificar quem foi vacinado através de tecnologia. - - Admitiu que era um apoiante do movimento eugenista, que consiste "num conjunto de crenças e práticas que visam melhorar a qualidade genética de uma população humana, geralmente excluindo pessoas e grupos considerados inferiores e promovendo aqueles considerados superiores".
- È o segundo maior investidor da Organização Mundial de Saúde.
- Existem várias fotos da sua mulher a usar colares satânicos.
- Era amigo chegado do famoso pedófilo de Hollywood que foi recentemente encontrado morto na cela, e foi à ilha privada dele inúmeras vezes. A mesma ilha onde se descobriu que foram levadas montes de crianças que sofreram pedofilia e outros abusos.
- Em 2014 um polícia prendeu um homem que se encontrava na sua mansão por aparentemente coletar mais de 6000 violações de crianças.
- Segundo Robert Kennedy Jr, ele investiu 21 milhões de dólares num sistema de "tag and track" que iria ser colocado debaixo da pele dos cidadãos americanos para poderem ser seguidos e controlados em tempo real.
- Também está a usar esta "pandemia" para fazer mudanças radicais de como as crianças são educadas.
- Há uns tempos atrás disse que com as vacinas certas e o planeamento familiar certo poderíamos ELIMINAR 10%-15% da população mundial.
- Com as vacinas da sua fundação milhares de crianças e pessoas morreram, ficaram paralisadas e ficaram inférteis.
- È a pessoa que mais promove as vacinas obrigatórias.
- Existem muitos indícios que mostram a alta suspeita de que ele pertence a cultos satânicos .
- Associou-se com vários pedófilos em série e é altamente suspeito de fazer parte desse culto de pedófilia.
- As epidemias mais assustadoras do Congo, Filipinas, Afeganistão, estão ligadas às vacinas da sua fundação.
- Tem planos ou interesse em bloquear a luz solar do planeta.
- Quer colocar microchips em todas as pessoas.

O que é que as pessoas precisam mais de saber?

Nós queremos que as pessoas estejam a par de perspetivas alternativas (através de fontes credíveis) do que se está a passar e que dêem oportunidade a pessoas com outras perspetivas diferentes do que a mídia está a tentar passar às pessoas, a comunicarem com os cidadãos na TV. A maior parte das pessoas vê TV e foram condicionadas a ver a TV e governo como a fonte de confiança e verdade, quando muitos médicos, cientistas e profissionais de saúde estão a revoltar-se na Internet e a espalhar informação e conclusões alternativas.

Nós não queremos estar em quarentena. A quarentena gerou enorme destruição da economia global. Muitas pessoas estão desempregadas e muitas pessoas estão a morrer à fome. As pessoas deixaram de estar com as pessoas que mais amam. As pessoas deixaram de absorver oxigénio como antes porque são forçadas a usar uma máscara. As pessoas vivem com medo, desespero e stress. As pessoas deixaram de socializar e passaram a ficar confinadas em casa. Durante a quarentena as pessoas deixaram de passear e ir à praia, e passaram a ver TV o dia todo. Vivemos em tempos depressivos, e não pode continuar.

Nós não queremos ser obrigados a ser testados para este "vírus" e rejeitamos a vacina obrigatória. Muitas pessoas no mundo estão cada vez mais a questionar a existência do vírus. Devido à informação relacionada com a pessoa por trás desta "vacina obrigatória" e que mais está a promover isto, além de haverem várias suspeitas (as quais já listei em cima) de que esta "pandemia" não passa de um esquema de depopulação e controlo global em que essa pessoa claramente faz parte, nós, cidadãos, rejeitamos a "vacina obrigatória" e estamos contra esse ato e medida. Tirando os motivos de rejeição baseados na alta suspeita em relação a essa pessoa, nós, como cidadãos de uma democracia, somos livres de escolher se queremos ou não ser vacinados. Desde o início da quarentena que o que as pessoas percecionavam como democracia está cada vez mais a assemelhar-se a fascismo global. E isto tem de parar!!
E não vale a pena tentarem indiretamente forçar a vacina nas pessoas através da eliminação de direitos e liberdades a quem não quiser tomar, como por exemplo: proibição de comparecimento em locais públicos, proibição de comparecimento no emprego, etc, e outros tipos de direitos e liberdades.

O POVO É QUEM MAIS ORDENA E NÓS NÃO QUEREMOS SER VACINADOS PARA "COVID-19" NEM TESTADOS. E NÃO QUEREMOS PERDER DIREITOS E LIBERDADES PELA REJEIÇÃO A ESTAS MEDIDAS.




Qual a sua opinião?

O atual abaixo-assinado encontra-se alojado no site Petição Publica Brasil que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Brasileiros apoiarem as causas em que acreditam e criarem abaixos-assinados online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor do Abaixo-Assinado poderá fazê-lo através do seguinte link Contatar Autor
Já Assinaram
8 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine o Abaixo-Assinado.

Outros Abaixo-Assinados que podem interessar