Petição Pública Brasil Logotipo
Ver Abaixo-Assinado Apoie este Abaixo-Assinado. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

Pela Reabertura Parcial do Casarão da V. Guilherme !

Para: Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo - [email protected]

A Comunidade da Vila Guilherme, em especial os frequentadores do Casarão da Vila Guilherme, vem através deste abaixo assinado, solicitar a REABERTURA PARCIAL DO CASARÃO.

A Casa de Cultura em questão foi fechada, pela SMC - Prefeitura de São Paulo, em 11/09, sem comunicação antecipada ao gestor da Casa, aos Oficineiros, aos Voluntários, e nem mesmo aos Frequentadores da Comunidade Local.

O argumento é a necessidade de "estudos para revisões estruturais completas das condições da casa" por 60 dias e prorrogáveis por mais 60 dias. E somente após o final desta averiguação no PRÉDIO PRINCIPAL, a obra seria contratada; e sabe-se lá por quanto tempo mais, a interdição será prorrogada.

O apelo da Comunidade da Vila Guilherme, pela REABERTURA PARCIAL DO CASARÃO, está pautada nos seguintes itens :

- A realocação das mais de 48 oficinas contratadas (e inúmeras voluntárias) e seus mais de 3.000 usuários, foi executada de forma caótica e desordenada, algumas foram enviadas para lugares distantes e sem os recursos necessários. Está havendo uma sobrecarga dos locais públicos próximos (bibliotecas) que não tem estrutura e nem horários adequados para absorver essas atividades de 'surpresa'. Diversas Oficinas, especialmente as noturnas, foram canceladas por falta de local, e outras estão sendo executadas na Praça em frente ao Casarão, à céu aberto.

- Muitos eventos (Feiras, Biblioteca Móvel, Apresentações, etc) que ocorriam na praça Oscar Silva e contavam com o apoio da estrutura do Casarão, estão deixando de acontecer ou estão acontecendo de maneira precária, sem condições sanitárias ou recursos adequados de convivência.

- A convivência coletiva de diversos grupos de jovens e idosos (principais frequentadores do Casarão), ficou extremamente prejudicada pela forma de como as oficinas ficaram 'espalhadas" pela região. Existem diversos frequentadores que possuem sérios problemas de saúde emocional (Depressão, Síndrome do Pânico, Síndrome de Down, Ansiedade ...) e física (Deficientes áudio visuais ...), que estão sofrendo as terríveis consequencias desta interdição inesperada.

- Em contrapartida aos itens anteriores, existem dois prédios que fazem parte do complexo do Casarão, com três amplas salas, sanitários, um estúdio de gravação e com um amplo espaço aberto, que possuem estruturas recentes (Não citadas no laudo da reforma) e estão em ótimas condições de uso. Tendo a entrada individual separada do Casarão principal, o que permitiria sua utilização sem comprometer os estudos e a reforma do Prédio Principal.

Diante do exposto, a Comunidade da Vila Guilherme, apela ao bom senso e a consciência humanitária, que deve permear todas as decisões da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo; e solicitamos a IMEDIATA REABERTURA PARCIAL DO CASARÃO DA VILA GUILHERME.




Qual a sua opinião?

O atual abaixo-assinado encontra-se alojado no site Petição Publica Brasil que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Brasileiros apoiarem as causas em que acreditam e criarem abaixos-assinados online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor do Abaixo-Assinado poderá fazê-lo através do seguinte link Contatar Autor
Já Assinaram
1.122 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine o Abaixo-Assinado.

Outros Abaixo-Assinados que podem interessar