Petição Pública Brasil Logotipo
Ver Abaixo-Assinado Razões para assinar. O que dizem outros assinantes.
A opinião e razões dos signatários do Abaixo-Assinado: Abaixo-assinado em defesa da carga horária mínima de 8 horas, para apub@apub.org.br

Nome Comentário
Débora R. O professor universitário precisa lecionar e realizar pesquisas de qualidade. 8h em sala significam, no mínimo, 24h semanais dedicadas integralmente a esta atividade (atendimento a alunos, preparação de aulas, correção de relatórios...). Somemos a isto as reuniões de departamento, atendimento individual a orientandos, coordenação de projetos de pesquisa, realização de análises e redação de artigos científicos. As 40h já são insuficientes. O pleito é essencial se quisermos pesquisa de qualidade e produtividade nas universidades brasileiras.
Aroldo M. Embora aposentado, sem aulas na graduação mas em plena atividade na pesquisa e na pós-graduação, considero esse pleito plenamente justificável e necessário para o bom desempenho da atividade acadêmica e da Universidade.
Daniela C. Concordo.
Elizabeth C. Muito aproprida particularmente pq não distingue DE dos professores em Regime de 40 hs,um absurdo!!!
CATARINA S. NOSSAS ATRIBUIÇÕES SÃO NUMEROSAS. ALÈM DAS AULAS, PRECISAMOS ESTUDAR, ESCREVER, PESQUISAR, ORIENTAR PESQUISAS, ADMINISTRAR, OFERECER EXTENSÃO. ISTO É UNIVERSIDADE.
Fabrice G. Favor considerar um ensino da prática efetiva: com 16 horas em sala de aula, não é possível cumprir responsavelmente todas as exigências da academia em somente 40 horas semanais.
zaira f. A definição da carga horária mínima docente de 08 horas é imprescindível para o bom desempenho da função e desenvolvimento de atividades de pesquisa e as tantas diversas administrativas que paralelamente são também realizadas pelos docentes em geral.
livio s. Pa frente
Elizabeth R. O tempo de oito horas dedicado à sala de aula permite que possamos desenvolver nossas pesquisas, orientar alunos e desenvolver as múltiplas tarefas que nos são demandadas.
Edimar J. Sou a favor da defesa da carga horária mínima de 8 horas
Maria S. A sala de aula é importantíssima mas é apenas parte de todo o nosso trabalho e estudo para que se tenha qualidade em sala de aula.
JANICE S. desvio de função
Tonya D. justo
Cristovão B. Confirmo a sugestão do abaixo-assinado.
Juceni D. Ainda considero que deveríamos ter a carga horária contada a partir do numero de estudantes (relação número de estudantes/professor) que temos em sala de aula. A relação estudantes/professor fornece uma visão mais realista do trabalho docente na formação discente, pois avalia também o trabalho relativo a preparação de aulas, correção de provas etc.
Jorge D. Não só o Artigo 119 que merece ser discutido e modificado. Vários outros artigos precisariam ser atualizados para que a UFBA possa se desenvolver academicamente.
S. Sou a favor da carga mínima de oito horas semanais.
Poliana M. Precisamos ter claro a missão da universidade em oferecer ensino, pesquisa e extensão, essa pressão que temos com as atividades de ensino acaba por comprometer as demais.
Paula R. Considero extremamente importante para os professores engajados em desenvolver pesquisa inovadora e de qualidade na Universidade, assim como atividades de extensão.
Thiago F. Considero essencial que haja uma diferenciação desta carga horária mínima entre os diferentes regimes de trabalho. Partir do pressuposto que professor de 20h não realiza pesquisa ou extensão é um grande equívoco. E manter a mesma carga horária mínima entre os diferentes regimes é uma indecência.

Assinaram o abaixo-assinado
345 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine o Abaixo-Assinado.



Ler texto do Abaixo-Assinado